Domingo, 13 de Setembro de 2009

GRANDES TEXTOS | LEITURAS ENCENADAS  

28 de Julho a 10 de Novembro

 

 

Salão Nobre do Teatro Nacional D. Maria II

 

 

Leitura de textos da dramaturgia mundial, desde a origem do teatro a obras contemporâneas, menos conhecidos e interpretados em Portugal. Segue-se uma conversa sobre a contextualização e a riqueza de cada obra. Todos os textos são traduções originais.

 

28 de Julho às 18:30 - NÃO ME LEMBRO DE NADA de Arthur Miller


tradução Margarida Gil dos Reis

coordenação da leitura Diogo Infante com Carmen Dolores e Sinde Filipe

 

A peça passa-se nos anos 70, em Conneticut, tendo como protagonistas Carmen Dolores (Leonora) e Sinde Filipe (Leo). Ela é uma viúva rica, cuja vida parece ter sido suspensa após a morte do seu marido; ele é um desenhista retirado, um comunista convicto, amigo e colega de trabalho do seu marido. Ambos lamentam a passagem do tempo e a perda da memória que vai retirando qualquer significado à vida. Diogo Infante coordena a leitura de um texto da autoria de um dos principais autores do teatro norte-americano contemporâneo. Uma peça curta, de quotidiano, em que dois muito velhos amigos preparam a partida para o outro lugar do tempo, cruamente, causticamente, num jogo de palavras e silêncio forjado na amizade de muitos anos.

 

Arthur Miller começou a sua carreira como escritor de comédias para a rádio, mas foi como autor de teatro que se tornou mais conhecido. Em 1949, escrevia a sua peça mais importante, Morte de um Caixeiro Viajante, pela qual acabaria por receber o Prémio Pulitzer. A sua obra, de profundo conteúdo social, centra-se no conflito entre a responsabilidade individual do protagonista e as pressões sociais que o levam a adoptar uma atitude conformista. Um exemplo disso é o drama As Bruxas de Salém (1953), onde apresenta uma crítica ao Comité de Actividades Anti-Americanas dirigido por McCarthy.


15 Setembro às 18:30  Comédia Aulegrafia de Joerge Ferreira de Vasconcelos

 

coordenação de leitura Silvina Pereira com Alexandre Ferreira, Augusto Portela, Isabel Fernandes, Júlio Martín, Mariana Filipe, Silvina Pereira, entre outros


Em meados do século XVI, Jorge Ferreira de Vasconcelos, com esta sua Aulegrafia, oferece-nos, com fina agudeza, um retrato crítico da corte. O mundo transformou-se num lugar perigoso, absurdo e desconcertante, e as suas personagens respiram, nesse mundo áulico, ambição, intriga e mentira. O que impressiona nesta comédia quinhentista é a actualidade dos temas, desde o político até ao amoroso, bem como a visão expressa de que o tempo é de crise – “e crise implica mudança, alteração de paradigmas”. Nela se respira a experiência do engano e da decepção, a crise de valores, o mundo às avessas, que parece tudo fazer ruir.

 

10 Novembro às 18h30 - Sallinger de Bernard- Marie Koltès

 

coordenação de leitura Alfredo Brissos

Nova Iorque, 1964. Um homem ainda jovem suicida-se, deixando a sua família em total alvoroço. Enquanto tentam preencher o vazio da sua morte com palavras, o seu espectro vem para os assombrar. Traça-se aqui o retrato ansioso de uma América nas vésperas da Guerra do Vietnam, onde cada personagem tenta encontrar um sentido para a violência inevitável. Dramaturgo, romancista e tradutor, Koltès fundou a companhia Le Théâtre du Quai para a qual escreveu várias peças. Em 1976, escreve duas obras de grande sucesso: La Nuit juste avant les forêts (que encena em 1977 e que será montada em toda a Europa) e Sallinger, em 1977. A partir de 1983, dá início à sua parceria com Patrice Chéreau, em termos de criação e de interpretação em Dans la Solitude des champs de coton (1987).

 

 

Informação retirada do site do Teatro Nacional D. Maria II

publicado por Ana Paula às 12:28
Categorias: ,


Newsletter "Gratuito"

Colaboradores
Encontrar sugestão...
 
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12


20
23
24
25
26

27
29
30


Comentários Recentes
Olá, boa tarde. Vi a informação de sabados desport...
Muito Bom post! Sou um Verdadeiro fã de antiguidad...
Massa!
Obrigado, Clara
Vivo pertissimo de Sintra e não conhecia. Obrigado...
Parabéns pelo seu blog, muito interessante. Estou ...
Por favor, poste a data da nova festa pra gente po...
A SIMECQ-Cultura vem desejar um Feliz Natal e um N...
Como que e faço para ver tema da festa infa...
Adoro este Site e já o consulto à alguns dias a se...
Sugestões Anteriores
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D